Sono ideal

4
O que não consumir

Para uma noite de sono ideal, é preciso saber o que não consumir antes de dormir. 

Não consumir bebidas com cafeína à noite
O café, chá preto, chimarrão, chocolate, guaraná e refrigerantes à base de cola contêm cafeína ou outras xantinas que excitam o sistema nervoso. Mesmo que a pessoa não perceba, o sono torna-se superficial e fragmentado. Crianças estão mais sujeitas a estes efeitos. Raramente, os pais se dão conta da relação entre o consumo de refrigerantes à noite e as dificuldades de seus filhos em relação ao sono. O efeito da cafeína pode durar 8 a 14 horas. 

• Pare de fumar ou não fume à noite
A nicotina tem efeitos diversos sobre o sistema nervoso, sendo prejudicial ao sono. Alguns sentem que o cigarro acalma e o usam como tranquilizante, o que pode significar dependência ou outra doença. Quando acordar, não fume para voltar a dormir.

• Não consumir bebidas alcoólicas à noite
Ao contrário da crença geral, o álcool não favorece o sono. Uma dose pode ajudar uma pessoa tensa a relaxar e adormecer, mas o sono que segue não é um sono normal. A respiração fica prejudicada, surgem roncos, despertares, sonhos desagradáveis. Além disso, o álcool cria dependência física e psíquica. 

• Usar hipnóticos apenas com receita médica
Os comprimidos para dormir, assim como o álcool, não produzem um sono normal, viciam e perdem rapidamente o efeito. As pílulas para dormir devem ser tomadas por, no máximo, duas semanas. O uso esporádico pode ser inofensivo e até indicado.